Desafio da ‘Baleia Azul’ quase causa a morte de um adolescente em SC

No jogo disputado pelas redes sociais o participante pode ser convencido a realizar provas perigosas e até a se matar.

As redes sociais tomaram conta da vida das pessoas. É difícil encontrar quem não navegue por algum tipo de site ou de aplicativo. O problema é que no meio de tanta oferta há algumas armadilhas. É o caso do desafio da ‘Baleia Azul’, um jogo on-line, difundido no mundo todo, que pode convencer o participante a fazer provas perigosas e até a se matar. O alerta vem de uma mãe de Santa Catarina que por muito pouco não perdeu o filho adolescente.

O adolescente de 15 anos tentou o suicídio duas vezes. Segundo a mãe, ele foi instigado por um jogo em um grupo de conversas no celular. O convite veio em uma rede social.
“Era um grupo, vários adolescentes a nível de Brasil, onde eles conversam, eles recebem as regras, as normas, os desafios. Comentam sobre os cortes que fazem, tudo”, diz a mãe.
Os cortes no corpo são parte dos desafios que quem entra no grupo precisa cumprir. As fotos são usadas para comprovar que o desafio foi cumprido. Nos últimos dias ela notou o comportamento estranho do filho. Depois disso, a mãe se passou pelo adolescente para saber o que acontece nesse grupo e descobriu que quem tenta sair é ameaçado.
“Primeiro sintoma de tudo, eu acredito que é aquela tristeza e aquele ficar de canto. Deixar as amizades. Gostaria que os pais observassem os seus filhos, os braços dos seus filhos. Eu fui ver as marcas aqui no hospital. Eu poderia ter visto antes”, aconselha a mãe.
Mas, esse não é um caso isolado. Segundo a polícia, outros casos de crianças e adolescentes que participavam desse tipo de jogo estão sendo investigados em outras cidades e regiões de Santa Catarina.
“Tentamos compartilhar ao máximo de informações pra tentar saber quem são os integrantes, quem efetivamente estaria praticando a instigação ao suicídio”, diz o delegado Frederico de Melo Silva.

Mais Letras e Vídeos

Deixe uma resposta