Detento do presídio que trabalhava para URB é morto a tiros em Blumenau

Um detento do Presídio Regional de Blumenau foi morto a tiros por volta das 13h30 desta segunda-feira (13) , na Via Expressa, próximo ao CASEP. Ed Carlos Antônio Cardoso cumpria pena por assalto a mão armada. No último dia 1º de março, por estar no regime semi-aberto, ganhou o benefício de trabalhar fora da unidade prisional.

Ele prestava serviço para a URB e no momento do crime, roçava o mato às margens da via. Segundo a Polícia Militar os suspeitos do assassinato seriam integrantes de uma facção criminosa. A Polícia Civil e o IGP foram acionados e começaram a investigar o caso.

Ed Carlos foi atingido por três disparos na cabeça. Os apenados faziam o trabalho sem nenhum tipo de escolta de acordo com testemunhas.

Deixe uma resposta